Blog/Cenas da China real/China/Cultura Chinesa/Viagens/viver na China

Xi’an no feriado do Dia do Trabalho.

O ‘dia do trabalho’ também é celebrado na China, e um dos últimos feriados desse semestre! Como dia 1° de maio foi uma quinta-feira, houve um ‘ponte’ na sexta-feira. Então tivemos três dias de folga. Mas e o domingo? Você pode estar se perguntando… O domingo, nessa semana ‘virou’ segunda-feira. Aqui na China é assim: para emendar a quinta com o sábado, se trabalha no domingo. Dia normal: crianças na escola, escritórios funcionando, comércio, começando a semana. O estranho é que a semana de trabalho fica mais longa. Mas se pensarmos que não tivemos um feriado perdido no meio da semana, acho que compensa.

Sendo assim, resolvemos conhecer Xi’an, a cidade dos guerreiros de Terracota.

Já falei diversas vezes aqui: viajar pela China nos feriados é algo extremamente complicado e desgastante, já que quase TODOS os chineses estão fazendo a mesma coisa que nós. E aí, frente a essa população gigantesca, dá para imaginar o que nos espera. Mas não tem jeito… Se não for assim, ainda vamos embora daqui um dia, sem conhecer as coisas interessantes e maravilhosas que o país tem para oferecer. Durante os feriados do Ano Novo Chinês e do Dia Nacional – Golden Week (em outubro), realmente é impossível competir por um espaço ao sol, um assento no trem ou avião ou qualquer atração interessante, com os chineses.

Apesar de sabermos disso, resolvemos arriscar e, mesmo quase nos afogando num mar de gente, posso dizer que o saldo foi positivo. Mas para enfrentar essa aventura, tem que se preparar psicologicamente. Já saia de casa sabendo que nada será tão simples, e que você será mais um na multidão.

Mas vamos a Xi’an!

Essa cidade fica localizada na Província de Shaanxi, a duas horas de voo de Shanghai. O voo, apesar de lotado, foi bem tranquilo. Na realidade o aeroporto estava muito mais calmo do que imaginamos, talvez porque saímos no dia primeiro pela manhã, ao invés da noite anterior.

Ficamos na cidade dois dias e meio e foi o suficiente para conhecermos os principais pontos turísticos. Aqui vou colocar os locais que visitamos de uma maneira geral. Nos próximos posts irei explicando melhor sobre cada um deles.

Logo que saímos do aeroporto, no caminho para a cidade, paramos no Han Yangling Mausoleum, da Dinastia Han. Foi descoberto o túmulo do imperador Liu Qi, que enterrou com ele todo seu ‘império’ para servi-lo após sua morte. Havia cozinha, despensa de alimentos, soldados e tudo mais. Mas eram em tamanho menor, bem diferentes do exército de terracota.

IMG_6575

Maquete do mausoléu.

 

IMG_6564

Construída recentemente, réplica da original.

 

No final da tarde fomos de metrô para a Cidade Velha e visitamos a Bell Tower (torre do sino), a Drum Tower (torre do tambor) e o Muslin Quarter (bairro muçulmano). Tentamos visitar a Great Mosque (Mesquita), que citei aqui, mas simplesmente não achamos, tamanha era a quantidade de gente e a confusão por aquelas ruelas. Nos perdemos, ou melhor, ficamos rodando em círculos (acho eu…rs).

 

IMG_6611 - Copia

Bell Tower

 

IMG_6635

Drum Tower

 

IMG_6645

Entrada do Muslin Quarter! Sem noção!!!

 

Mesmo assim, foi muito interessante ver todas aquelas barracas de comida, milhões de pessoas lutando pelo seu espaço e… As motos e bicicletas, com as buzinas tocando, feito sirene de ambulância, abrindo caminho na multidão. Falando assim, parece algo surreal, inacreditável. Mas foi assim mesmo, cheio de emoção, nosso passeio do dia primeiro. =] Morrendo de cansaço, decidimos voltar ao hotel para jantar e descansar. Mas a volta ao metrô nos mostrou que a aventura não havia terminado. Gente, mas muita gente… Um calor humano indescritível, se é que vocês me entendem… Sobrevivemos, certo? Isso é o que importa!

IMG_6606

Metro de Xi’an.

 

No segundo dia, cedinho uma van já nos esperava para irmos conhecer os famosos Guerreiros de Xi’an. No caminho, paramos num local onde nos mostram como os guerreiros são feitos e algumas curiosidades sobre as características de cada um, como identificar a posição deles no exército etc. Claro que a oficina, os artesãos e tudo mais eram um grande ‘teatro’ para turistas, e no caminho para saída havia um imensa ‘lojinha’ de souvenir, móveis, porcelana e muitos guerreiros de terracota para quem quisesse levar, por preços absurdos (óbvio). Mas mesmo assim valeu. Tiramos até foto por detrás das armaduras dos guerreiros, como todo bom turista.

 

IMG_6721

Entrada da ‘oficina’.

 

IMG_6728 - Copia

Artesã trabalhando.

 

IMG_6723

Os mais novos integrantes do Exército de Xi’an! =]

 

Depois de mais uma meia hora, chegamos ao Museum of Qin Terracotta Warriors and Horses. E adivinhem??? LOTADO… O carro nos deixou bem longe, pois não havia como entrar. Num determinado ponto, havia um carrinho elétrico que levava os turistas até o museu propriamente dito. Quando entramos no primeiro pavilhão, o mais famoso, que vemos em quase todas as fotos publicadas em livros e revistas, quase caímos para trás. Uma massa humana, que nos impedia de dar um passo sequer.

 

IMG_6876

E é gente… muita gente!

 

IMG_6855

Entrar ou não entrar, eis a questão…

Aí não teve jeito, tivemos que usar toda nossa experiência de anos de China e fazer valer à máxima: se está na China, aja como um chinês! Eu e a Carol, fomos abrindo espaço com as mãos e o corpo (claro que nosso pequeno grupo se dispersou na confusão) e, empurra daqui, aperta dali, em menos de 5 minutos estávamos encostadas na mureta que dá vista ao galpão. Devo confessar que o fato de sermos estrangeiros e a Carol ser loira, facilitou muito nossa empreitada. Mas o objetivo foi alcançado com sucesso e temos as famosas fotos com os guerreiros ao fundo!

IMG_6766 - Copia

conseguimos!!!! No melhor estilo chinês de ser! =]

 

IMG_6760

Olha o povo atrás de mim…

 

Depois de mais de três horas, nos contentamos com um lanche no KFC (arghhhh) e fomos ao Banpo Museum, que mostra como era a sociedade matriarcal na China, um local com mais de 6000 anos e é o único que mostra algo da pré-história. Um local interessante e VAZIO! Ao menos tivemos alguns minutos onde foi possível andar sem dar nem receber cotoveladas.

IMG_6897

Banpo Museum.

 

IMG_6899

Sociedade Matriarcal – Préhistórica.

 

Nossa próxima parada foi o Big Wild Goose Pagoda. Novamente o local estava abarrotado de gente, mas sem comparação numérica ao Museu dos guerreiros. Valeu à pena cada minuto dentro desse parque. A obra é inacreditável!

IMG_6949

Big Wild Goose Pagoda

 

IMG_6982

Nós subimos até o topo: 7 andares… Turma animada essa!

Já eram 18:00 quando fomos para o jantar de dumplings e show de dança chinesa que havíamos planejado. O local chama-se Shaanxi Song & Dance Theater e apesar da exaustão, foi muito interessante e nos surpreendeu. E terminamos nosso dia às 10 da noite, com banho e cama para repor as energias!

IMG_7065 - Copia

Shaanxi Song & Dance Theater

 

IMG_7035

Shaanxi Song & Dance Theater

No sábado, nosso voo seria somente as 20:00, então tivemos o dia para aproveitar.

Nosso destino foi a muralha da cidade velha, City Wall, com quase 14 quilômetros de extensão, circunda a cidade, e é possível alugar bicicletas para fazer o percurso. Foi demais!!! Um passeio divertido, lindo e fechamos com ‘chave de ouro’ nossa estada nessa cidade. Depois de pedalar quase 1:30 horas, fomos almoçar, voltar ao hotel para fechar as malas e ir para o aeroporto.

IMG_7082

Entrada da Muralha de Xi’an.

 

IMG_7097

Uma das laterais da Muralha de Xi’an.

 

IMG_7089

Pedalando na Muralha de Xi’an!

A volta foi tranquila também. Hoje estamos meio ‘assim’ cansados… Esgotados, melhor dizendo! Mas é um passeio que recomendo sem hesitar. Aos poucos irei dando detalhes desses locais todos, porque descobrimos várias coisas interessantes para dividir com vocês!

IMG_6602

Turma animada!

Zài Jiàn!

Anúncios

21 pensamentos sobre “Xi’an no feriado do Dia do Trabalho.

    • Olá Luciano,
      Obrigada pela visita. Guia em espanhol você pode conseguir através Youlantours.com. A dona é latina, seu nome é Irene. Pode pedir orçamento a ela e dizer que viu aqui no blog. Não ganho nada com isso, mas a conheço pessoalmente, inclusive contratei seus guias para minha viagem a Nanjing. E disse a ela que iria disponibilizar seu endereço para quem me pedisse. Recomendo.
      Agora, guias em espanhol ou português são mais caros que os que falam inglês. Isso é fato.
      Hotel, eu fiquei no Shangri-la antigo, que fica no centro da cidade, é bom. Não excepcional, mas o preço é bem melhor que o Shangri-la novo.
      Mas no final, o que sempre recomendo aqui é que se não for em Shanghai, opte por um hotel Internacional, das redes conhecidas. E Xi’an tem muitas opções.
      Abraço.

      Curtir

  1. Pingback: Visitar a China: qual a melhor época? | China na minha vida

  2. Pingback: Xi’an e seus soldados de Terracota | China na minha vida

  3. Vou te falar que o que me atrai pra visitar a China é ver Xi´an e tb a muralha… eu até ia perguntar qdo vc ia fazer um post sobre esse lugar auhauaha que surpresa boa ao ver esse post. Obrigada por compartilhar!

    Kisu!

    Curtir

  4. Nossa, deve ser uma aventura e tanto viagem em feriados nacionais. Mas foi como você disse, precisa ter paciência e aproveitar a oportunidade para conhecer os lugares. Sempre que vejo fotos dos guerreiros de terracota lembro do filme “A Múmia – Tumba do Imperador Dragão”. Vendo ao vivo dá para imaginar o quão inspirador deve ser. 🙂

    Curtir

  5. oi!
    bom dia por aqui! Menina, babei no passeio! adoraria estar junto! espero que vc tenha mais fotos da oficina de ceramica, ondem fazem as réplicas dos guerreiros!
    Apesar do mar de gente, realmente vale a pena ver esses lugares e, de como são cuidados. e preparados para a visitação, pelo que deu para perceber!
    beijo grande para vc e familia!

    Curtir

  6. É muito difícil ler seu Blog, meu coração palpita de vontade de ir morar na China, a 6 anos eu estou com esse ardor no coração, no entanto, só agora os planos começam a se firmarem.
    Amo ler seus posts, me da uma saudade danada :]

    Curtir

  7. Como sempre lindo o post! fiquei fascinada pela cidade Xi’an .China tem historias surpreendentes ,vale a pena conhecer.
    Abraço

    Curtir

  8. Christine, espetacular essa postagem. Se eu comentar cada coisa que vi e aprendi por aqui vou ter que escrever um livro, rs. Gostei da sua observação:
    ” meio ‘assim’ cansados…”
    De ver a postagem com toda aquela gente, té eu fiquei meio ‘assim’ cansado…kkk!
    Um abraço grandão para vocês,
    Manoel

    Curtir

  9. Oi Christine,
    Tudo muito lotado, não é? Quando eu fui não era feriado então estava bem mais tranquilo. Também passei pouco tempo em Xian e gostei muito dessa cidade. Tanto que na minha próxima vez na China vou visitá-la de novo (assim espero!).
    Uma pena que vocês não tenham conseguido visitar a Grande Mesquita pois é um lugar muito bonito e interessante. Dá uma olhada nos posts que eu fiz relatando os meus dois dias em Xian. Tem fotos bem legais. Acho que você vai gostar.
    http://meusplanosdeviagem.wordpress.com/2011/07/02/tambores-e-sinos-xian/
    http://meusplanosdeviagem.wordpress.com/2011/07/09/um-exercito-resgatado-e-os-muros-da-cidade/
    Abraço

    Curtir

Gostou do texto, tem algo para dividir? Deixe seu comentário aqui! =]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s