China/Cultura Chinesa/Curiosidades/Viagens/viver na China

DIM SUM – a comida chinesa mais fácil de apaixonar!

Dim Sum (点心 ou Diǎnxīn) é um estilo de comida de Guandong  (cantonesa), preparada em porções individuais e servidas em pequenas cestas de bambu ou em pratos pequenos. Esse é um dos tipos de ‘dumplings’ dos quais eu já escrevi aqui, mas sem dúvida um dos mais populares e conhecidos no mundo ocidental.

Na tradição cantonesa, comer dim sum e tomar chá é algo que não se separa. Eles chamam de Yum Cha飲茶 – provar chá (literalmente). Então todo o restaurante de dim sum, obrigatoriamente serve chá. Na realidade eu nunca fui num restaurante chinês que não servia chá, seja lá qual fosse o prato principal e a origem do mesmo. Os chineses acreditam que o chá ajuda a digestão e a diluir a gordura da comida. Os chás mais comuns são o verde, de crisântemo e o de jasmim.

Como pedir

O dim sum é cozido no vapor em cestas especiais de bambu, muito comuns na China. As porções são de 3 a 5 ‘bolinhos’ em cada cesta, geralmente do mesmo sabor.

O bom disso é que se pode experimentar vários sabores de dim sum na mesma refeição, principalmente se estiver em grupo de mais de 3 pessoas. Eu como, brincando, uns 6 dim sum cada vez que vou num desses restaurantes.

foto da wikipédia

foto da wikipédia

Em muitos restaurantes você poderá pedir a partir do menu tradicional, mas nos mais populares existem atendentes que andam com um carrinho cheio de cestas com diversos sabores de dim sum, e pode-se escolher na hora que ele passa.

Tradição

Como já escrevi, o dim sum é geralmente associada com a antiga tradição de degustar chá, e as casas de chá originais,  foram estabelecidos ao longo das margens das estradas para os viajantes da rota da seda, que precisavam de um lugar para descansar. Estas casas de chá eram pequenas e serviam basicamente chá e alguma comida leve e quente, o dim sum.

Em Hong Kong, e na maioria das cidades de Guangzhou, muitos restaurantes servem dim sum desde cedo. É uma tradição para os idosos a se reunir para comer dim sum após seus  exercícios matutinos. Para muitos, no sul da China, o ‘yum cha’ é tratado como uma refeição tradicional em família no final de semana (quase como os nossos almoços de domingo). Mais do que isso, é uma reunião social onde as pessoas se juntam para comer, beber, bater papo e se divertir.

tradicional mesa para yum cha. Foto wikipédia.

tradicional mesa para yum cha.
Foto wikipédia.

Antigamente os restaurantes de dim sum serviam o prato até o meio da tarde. No entanto, com as mudanças sociais e de hábitos na China, os restaurante passaram a  servir até a hora do jantar, e também é bem comum (e gostoso) encontrar esse prato nas ruas da cidade, onde você compra os bolinhos e sai comendo ou senta em pequenas mesinhas na calçada.

Hoje também é comum se encontrar os dim sum (bem como quase toda a culinária chinesa) congelada nas prateleiras dos supermercados. Uma boa  alternativa para quem quer comer em casa. =]

Regras para o chá

Essas são novas para mim, por isso achei interessante colocar aqui. Tradicionalmente o dim sum está ligado ao consumo de chá, mas a regra vale para qualquer situação em que se bebe chá!

  • Se o garçom coloca o bule na mesa, a pessoa que serve deve colocar primeiro o chá para os demais companheiros de mesa antes de servir o próprio copo.
  • Se alguém serviu o chá para você, agradeça, tocando o indicador e o dedo médio na borda da xícara ou copo se for casado, ou somente o indicador se for solteiro.

Variedades de Dim Sum

Se você nunca comeu, aqui vai uma lista dos mais tradicionais:

Xiā jiǎo – camarão

Foto by wikipédia

Foto by wikipédia

Xiǎo lóng bāo  小籠 – Estes são recheados com carne ou frutos do mar e são famosos por seu sabor e caldo rico interior. São originalmente da culinária de  Shanghai.

Nuòmǐ jī 糯米 雞 – arroz envolto em folha de lótus e com recheios variados – cogumelos, castanhas carne de porco ou frango.

220px-Lo_mai_gai_2

Chāshāo bāo  叉燒包 – carne de porco grelhada

foto by wikipédia

foto by wikipédia

Shāomai  燒賣 –  carne de porco, camarão, ou ambos. Alguns podem ter cogumelos no recheio também.

Fèng zhuǎ 鳳爪 – ou garras de fênix, como são popularmente conhecidos.  Trata-se de pés de frango, frito, cozido, marinado em molho de feijão preto e, em seguida, cozido no vapor. Esse eu nunca comi, confesso.

Yù jiǎo –  purê, cogumelos, camarão, e carne de porco.

Cozinha de um restaurante de Dim Sum

Cozinha de um restaurante de Dim Sum

Cháng fěn  腸粉 – macarrão de arroz cozido e laminado, recheados com carne e/ou legumes. Uma variação pode ser a massa recheada e frita coberta com gergelim.

Doces

Dàntà – egg tart – tipo uma torta de massa folhada doce recheada com ovo, muito comum em Macau e Hong Kong.

Egg tart ou Dàntà

Egg tart ou dàntá.

Dòufu huā 豆腐 花 – tofu servido com gengibre e xarope de jasmim.

Mángguǒ bùdīng  芒果 布 – pudim de manga

Qiān céng gāo  千層 糕 – bolo de camadas, quase como um mil folhas, também a base de creme de ovos.

Claro que existem muitas outras variedades, inclusive os recheios vegetarianos. Mas assim já se tem uma ideia. Os doces não são necessariamente servidos como sobremesa, nos padrões ocidentais. Os chineses tem o costume de comer comidas doces e salgadas ao mesmo tempo.

Onde comer

Para os marinheiros de primeira viagem e que não querem correr riscos, recomendo o restaurante Din Tai Fung. É uma rede especializada em dumplings (dim sum), espalhada pela Ásia e em alguns locais no ocidente. Para um primeiro contato com a culinária chinesa é uma opção quase sem riscos! =]

O mascote do restaurante Dim Tai Fung. Foto by Tati Sato

O mascote do restaurante Dim Tai Fung.
Foto by Tati Sato

Mas, mesmo assim, sugiro experimentar os que são vendidos na rua, com o sabor tipicamente local.

Dim Sum vendidos nas ruas de Shanghai. Foto by Tati Sato.

Dim Sum vendidos nas ruas de Shanghai. Foto by Tati Sato.

Bom apetite!

祝您就餐愉快!

Zhù nín jiùcān yúkuài!

Aqui uma dica de como comer seu dim sum, os que vem com um tipo de ‘molho’ dentro:

chinanaminhavida 146

E você? Já experimentou dim sun? Gostou? Tem alguma sugestão? Compartilhe com a gente aqui nos comentários!

Zài Jiàn!

Visite o China na minha vida no IG – @chinanaminhavida e no Facebook.

Anúncios

19 pensamentos sobre “DIM SUM – a comida chinesa mais fácil de apaixonar!

  1. Pingback: Curiosidades da mesa chinesa | China na minha vida

  2. Oi, Christine, desculpa não ter respondido ainda ao seu último comentário, precisamos mesmo marcar um café aqui em Xangai! Continuo adorando os seus blog. Sobre esse “egg tart”, eu me pergunto, será que não seria uma adaptação chinesa ao famoso pastel de Belém, que é uma tradição portuguesa? Aqui tem a Lillian Bakery, que é originária de Macau, estabelecida no Séc. XIX. Você não acha que podem ter sido os portugueses que trouxeram essa iguaria para cá? Eu não saberia dizer. Só sei que eu nem gostava tanto de pastel de Belém até conhecer o da Lillian Bakery, delicioso! Abraços e até mais!

    Curtir

      • Oi, Christine! A que eu sei o endereço é no primeiro andar da estação de metrô Hongqiao Lu – é um quiosque que fica próximo à entrada das linhas 3/4. Tem uma outra loja em outro local, acho que vi na região de Honkou. Depois eu vou tentar te mandar de um carro engraçado que vi lá no Yuyuan garden, um modelo que nunca vi na vida, menor que um Smart. Abraços!

        Curtir

    • Oi Joice,a sra esta certa foram os tugas q trouxeram oq e hoje tradicao em Macau e Hong Kong custard tarts qeles chamam.Mais uma coisinha,pasteis d Belem,so os d Belem,os outros todos se chamam d pasteis d nata…embora sejam iguais!

      Curtido por 1 pessoa

  3. Christina, Você é muito cruel, rsrs, seu texto deu tanta águas na minha boca ! Que saudades dessas comidas gostosas que você mostrou, me dando tanta fome agora !!!

    Curtir

  4. Que delícia!!! Eu amo comida chinesa, mesmo o que não conheço acho tudo uma delícia por foto! rsrs. Nunca comi dim sum, mas já vi muito em programas de culinária, filmes… Sempre morro de vontade. Agora deixa eu tirar uma dúvida Chris, essas regras e costumes que os chineses têm, como essas pra tomar o chá por exemplo, são amplamente praticadas pelos mais jovens também? Ou é uma coisa mais tradicional, que os jovens não dão tanto valor?
    Beijo!

    Curtir

    • Oi Bree. Aqui, todos sem exceção, andam com seus copos térmicos com chá. Os bebedouros onde se coloca galões de água, aparentemente iguais aos do Brasil, com a diferença que as torneiras servem água natural e água fervendo. Água gelada aqui ´(ou qualquer bebida extremamente gelada) é artigo de luxo…rs
      Acho que vai ser difícil mudar esse padrão.
      Beijo

      Curtir

  5. A culinária chinesa é surpreendente… se vc espera comer os pratos do “China in the box”, esqueça! Não vi na China nenhum daqueles pratos aos quais nos acostumamos aqui, é tudo bem diferente, e, por incrível que pareça, delicioso! À parte algumas excentricidades (pés de galinha?!?), é indispensável abrir o paladar a novos sabores… e garanto, sem decepção! Beijokas

    Curtir

  6. que delicia! bom dia! acabei de tomar meu
    café, mas estou salivando! são realmente
    apetitosos e, as panelas de bambu são lindíssimas!
    preciso me propor a tomar chá quente, ou
    água morna durante a refeições, pois ajuda muito
    na digestão!…………como sempre, curto muito
    em ler os teus posts!
    beijo grande para vc e familia!

    Curtir

Gostou do texto, tem algo para dividir? Deixe seu comentário aqui! =]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s