Blog/China/Compras/Cultura Chinesa/Curiosidades/viver na China

Mercado do Chá

Há duas semanas fui numa palestra com visita há um Mercado de Chá. A visita foi interessante, por que nunca havia ido num lugar desses, na realidade nem sabia que existia! Em todos os lugares que você puder imaginar há lojas de chá na China. Desde estações de Metrô até Shoppings Center luxuosos. Agora um ‘shopping’ de chá é demais, né?

 casacha2Mas existe, e não é pequeno não. São 3 ou 4 prédios, com 3 pisos cada um e centenas de lojas vendendo… CHÁ! E tudo que envolve o preparo, o ritual e a armazenagem. Jogos de chá em porcelana, vidro, ágata. Bandejas, potes herméticos, de lata, caixas. Mesas e bancos também, porque há um tipo de mesa tradicional para a ‘cerimônia’ do chá. Além disso, descobrimos que esse mercado é um dos muitos que tem em Shanghai (e no resto da China…rs).

O tour era de 2 horas com a guia explicando algumas coisas a respeito das ervas, do cultivo e colheita e como preparar e beber (sim, tem até o jeito certo para segurar a tacinha), mas descobrimos que esse tempo foi curto demais para o tanto de informação que há sobre o tema e também para conhecer o local, com calma. Apreciar as peculiaridades, dar uma boa olhada em tudo. Saí de lá com um gostinho de ‘quero mais’ e com certeza irei voltar para fazer essa pesquisa (se bem que o que me chamou a atenção mesmo foram as porcelanas… =] , que nenhum chinês me ouça…rs).

Ai descobri algumas coisas que, para variar, nunca nem me passaram pela cabeça, como:

Chá, de verdade, que pode ser chamado de Chá, é a infusão de folhas em água quente da planta Camellia sinensis, da família da flor Camelia. Sendo assim só são Chás verdadeiros os verde, branco, preto e oolong, mais conhecido para nós como o vermelho. Os demais líquidos (acho que podemos chamar assim) provenientes de ervas, flores ou qualquer outra coisa, teoricamente não podem ser denominados Chá. Mas são, e duvido que alguém mude isso no universo. =O

casacha1Aí vem outra conclusão interessante: se o chá verde, o branco, o vermelho e até o nosso velho conhecido chá preto são exatamente feitos da mesma folha, onde está a diferença?

A diferença entre eles está na forma que são processados. Para o Chá verde as folhas são ‘queimadas’ logo após a colheita para evitar a fermentação, para não perder as propriedade antioxidantes que possui além de outros benefícios à saúde. O Chá Branco passa exatamente pelo mesmo processo do verde, mas a colheita é feita bem antes, com as folhas ainda novas ou até no bulbo, como as folhas recém-saídas do bulbo possuem um tipo de pelugem esbranquiçada, veio o nome do chá. No Chá preto as folhas são esmagadas após a colheita e deixadas ‘murchando’ por um período (2 dias aproximadamente), realizando assim a fermentação, processo que diminui substancialmente algumas das propriedades encontradas na planta original, como os antioxidantes, por exemplo. O Chá Vermelho (Oolong) também é colocado para fermentar, mas com duas grandes diferenças: as folhas não são esmagadas e o processo de fermentação é interrompido após algumas horas. Ou seja, oolong é um chá semifermentado.

Todos esses processos diferentes, que modificam a condição da Camellia Sinensis, é que definem também as propriedades mais destacadas em cada tipo de chá. Por isso o verde e o branco são ótimos antioxidantes, o que já não ocorre com o preto e vermelho. Mas esses têm outros benefícios para a saúde.

Sabe que chegou uma hora, que a guia/palestrante começou a pedir para que sentíssemos o aroma, déssemos um pequeno gole e mantivéssemos o liquido na boca para sentir o paladar, descobrir se o aroma era defumado ou frutado. Peraí, falai… Isso está parecendo um curso de vinhos, não de chá! Mas a moça me explicou que para os experts em chá, a dedicação, estudo e atenção aos detalhes da colheita até o armazenamento são as mesmas de um enólogo ou um barista.

casacha

Gente… e eu que pensei que chá fosse aquela coisa tão assim, tão simples… pega uma folhinha de boldo na horta do quintal (ou da varanda para quem mora em apartamento) e coloca a água quente… E não é que boldo nem Chá de verdade é! Mas que nada: a água tem a temperatura certa, a xícara tem que estar aquecida, só se pode segurar a xicarazinha com 2 dedos, não pode tomar tudo de uma vez, nem misturar um chá com outro… milhões de regras.

Pois é, vivendo e aprendendo! E viva o chá!

Zài Jiàn!

Anúncios

4 pensamentos sobre “Mercado do Chá

  1. Pingback: O que comprar na China | China na minha vida

  2. Pingback: Tradicional medicina chinesa (TCM) e os chás | China na minha vida

  3. Pingback: Lenda e curiosidades sobre o chá chinês | China na minha vida

  4. Pingback: Óculos chineses. | China na minha vida

Gostou do texto, tem algo para dividir? Deixe seu comentário aqui! =]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s