China/Cultura Chinesa/Curiosidades/Viagens/viver na China

Nanjing – A China antiga e moderna no mesmo local.

Na semana passada escrevi sobre nossa viagem a Nanjing, de forma genérica, dando uma introdução. E hoje vou escrever um pouco sobre o que visitamos lá.

Coloquei esse título, pois achei super interessante o comentário de um leitor no post anterior. E ele se mostrou ser um apaixonado pela cidade. Adorei a descrição que fez e usei no título deste artigo. Valeu a inspiração!

E realmente: Nanjing é um lugar que exala história e instiga a modernidade. Um pouco de Beijing e Shanghai, sem ser nenhuma das duas, ela não decepciona. E já sei também que terei que voltar. Pela descrição do Ramon, deixei muita coisa para ver ainda, que justifica uma nova visita.

Mas vamos aos passeios que fizemos dessa vez.

Primeiro dia

Lago Xuanwu –玄武湖 – Xuánwǔ hú

Como a viagem foi rápida, chegamos ainda com tempo de aproveitar um pouco. E já que o hotel ficava bem em frente ao Lago Xuanwu, lá fomos nós…

O lago possui cinco ilhas no centro, que são interligadas por pontes em arco. Uma visita ao lago e seu parque pode incluir até cinco horas de caminhada (claro que não fizemos isso…). Dentro do parque existem templos, pagodas, pavilhões, jardins, casas de chá, restaurantes, locais de entretenimento, um pequeno jardim zoológico, e outras atrações. Sua entrada principal é a Xuanwu Gate (Portão Xuanwu), um dos portões da muralha de Nanjing. E parte do lago é cercado por um pedaço da muralha que ainda está de pé.

O lago foi formado, de acordo com geólogos, pelo movimento das placas tectônicas. A lenda é que o Imperador Sun Quan (182-252) se estabeleceu na área de Nanjing e construiu esse lago. O lago então foi chamado de ‘dragão negro’, que se acredita ser o deus da água pelos taoístas. Mas o dragão, visto no lago, parecia uma tartaruga e uma serpente, então mudaram o nome  Xuanwu, que significa ‘tartaruga preta’. Eu não achei que essa é a tradução correta, mas vários sites contam a lenda semelhante. O fato é que esse lago teve um monte de nomes pela história.

image

Também chamado de “Military Rehearsal Lake”, o lago era usado para exercícios de batalha naval durante a dinastia Song (960-1279).

O lago e seu entorno foi transformado em parque em 1911 após o fim da Dinastia Qing. Seu nome foi mudado para “Parque Continental” em 1928 e oficialmente chamado de ‘Xuanwu Lake Park’ em 1935.

É um local agradável para caminhar com muito para ver e fazer. É harmonioso, calmo, limpo e bonito. Há pessoas dançando, fazendo exercícios ou simplesmente andando. Crianças, jovens, idosos. Também há a opção de fazer o passeio de barco pelo lago, mas não arriscamos. Em abril e maio, nos disseram que é a época mais linda para visitar o parque por conta da florada das cerejeiras.

Foi um passeio bem legal. E no final, estar frio acabou dando mais ânimo para andar. Depois de caminhar bastante, e com aquele frio que estava, decidimos ir para o hotel e esperar 2016 chegar!

Segundo dia

Palácio Presidencial –总统府 – Zǒngtǒng fǔ

Primeiro dia do ano, quisemos começar sem muito estresse. Então escolhemos visitar o Palácio Presidencial porque era relativamente perto do hotel e não estava incluido no roteiro que a Youlan Tour havia nos preparado para o sábado.

O Palácio Presidencial, foi construído na dinastia Ming (1368-1644) como uma residência real, e agora é o maior Museu de História da China moderna. Nanjing, a sede do poder político, testemunhou muitos momentos decisivos na China antiga e moderna.

image

História

No início da Dinastia Ming, este palácio foi a casa de príncipes reais.

Em 1853, Nanjing foi derrubada pela Rebelião Taiping, e abrigou o rei celestial. Em seguida, na Dinastia Qing (1644-1911), tornou-se residência do Governador Geral de Liangjiang (que hoje é Jiangsu), Shanghai, Anhui e Jiangxi.  Em 1912, Sun Yat-sen fez o juramento no palácio, como o presidente provisório da República da China e Chiang Kai-shek foi eleito como Presidente da República da China no Palácio Presidencial de Nanjing em 20 de maio de 1948. O Palácio Presidencial de Nanjing foi capturado pelo PLA (Exército de Libertação do Povo) em 23 de abril de 1949.

Após o estabelecimento da República Popular da China, o Palácio Presidencial continuou a acolher funções oficiais até o final de 1990, quando foi transformada no Museu da História Moderna da China.

Com mais de 90.000 metros quadrados e 11 prédios,  o Palácio Presidencial abrange três áreas abertas ao público.

Área Central – Gabinete do Presidente Provisório

Há salas de espera dos requerentes de audiência nas laterais decoradas no estilo ocidental. Seguindo em frente, o caminho leva ao Grande Salão, um edifício no estilo chinês com duplo beiral. Um corredor liga o Grande Salão com o Auditório e a  Sala Secundária. Mais ao norte, passando por uma sala de recepção você chega ao bureau da administração do governo, onde muitos materiais interessantes estão em exposição. Continuando em diante, você vai chegar ao edifício principal do Palácio Presidencial, também conhecido como Zichao Tower. O prédio tem cinco andares, que abrigavam funcionários civis no primeiro piso, no segundo o presidente e seu vice. Os demais eram para conferência e recepção.

Área Oeste

 O jardim  Xuyuan fica no oeste do Palácio Presidencial, por isso também é chamado de “Jardim do Oeste”. Como um típico jardim do sul da China. O edifício mais notável é o Gabinete do Presidente Provisório, onde a primeira reunião do governo republicano provisório foi realizada, em 21 de janeiro de 1912. Mais tarde, foi ocupada por diversas organizações militares do Governo Nacional.

 Área Leste

Era um prédio administrativo e agora é usado para exibir alguns importantes documentos históricos e registros. Exposições sobre diferentes temas são frequentemente realizadas aqui.

image

Claro que tinha muita gente andando pelos jardins, lindos demais. Mas o pior eram nos prédios onde haviam escadas e saletas. A gente entrava e não conseguia sair! Mesmo assim valeu. Passamos meio dia lá dentro. Não preciso dizer que é enorme. E mesmo tendo sido sede de um governo democrático, é interessante notar que a estrutura do complexo, lembra o ‘desenho’ da Cidade Proibida. Os grandes edifícios no centro, um atrás do outro, e as passagens nas laterais, com jardins, alojamentos, depósitos. Mas, por mais modernizado (e ocidentalizado) que tenha sido no século 20, ele data da época do Império.

Terceiro dia

Esse texto já está enorme, então decidi parar por aqui. =]

Nem eu imaginava que essa viagem fosse render tanto!

Plim, plim… cenas dos próximos capítulos: Purple Montain, Muralha e Museu do Massacre.

Fiquem ligados…

Zài Jián!

Anúncios

8 pensamentos sobre “Nanjing – A China antiga e moderna no mesmo local.

  1. Oi Christine, sou de SP, e meu esposo tem a possibilidade (num futuro recente ou remoto heheh) ir trabalhar na China!
    Claro que já tenho pesquisado sobre a China, para ir aprendendo, e hoje encontrei seu blog. Li alguma coisa e já estou AMANDO!!!
    Já moramos em outro país da Europa, estou MUITO feliz de volta ao Brasil pertinho da família (o país em si é uma porcaria heheh) , mas o futuro a Deus pertence.
    Se um dia a China realmente se concretizar em nossas vidas, quero ser feliz aí com minha família!
    Vou acompanhando suas experiências aí do outro lado do mundo, relatadas TÃO BEM! E assim vou aprendendo mais e mais.
    Tudo de bom pra você e sua família.

    Curtir

    • Olá Roze!
      Obrigada pelo contato.
      Sim, aqui é literalmente o outro lado do mundo,rs, e a saudade da família que aperta muito… Mas, como vc disse: temos que ser felizes onde e como estamos, nunca sabemos o que o futuro nos reserva.
      Espero que goste do blog, se divirta e qualquer dúvida, entre em contato!
      Grande abraço.

      Curtir

  2. Chris, acho que já comentei antes, mas nunca tive uma grande curiosidade em conhecer a China. Mas sempre que você mostra algum interessante eu fico com uma coceirinha nos dedos para comprar uma passagem e ir. Aliás, meu marido quer conhecer uma cidade chinesa ainda esse ano. Vamos ver se dará certo! 😉
    Beijos e parabéns por mais um post.

    Curtir

Gostou do texto, tem algo para dividir? Deixe seu comentário aqui! =]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s