Blog/China/Curiosidades/viver na China

TORRE DE BABEL

Torre de Babel: é assim que defino Shanghai. Não sei se existe outro lugar no mundo que reúna num mesmo espaço tantas pessoas de nacionalidades e culturas tão diferentes como na China e, em especial, em Shanghai.

Quando andamos pelas ruas, sentamos num café ou num restaurante, vamos ao médico ou ao mercado, podemos ouvir tantas diferentes línguas que às vezes ficamos até confusos.

Algumas vezes, nos vemos brincando, para descobrir qual o idioma que está sendo usado na mesa ao lado. Às vezes é mais de um no mesmo grupo. Quando saímos em casais, o inglês predomina, mas vira e mexe, os pares trocam algumas palavras na sua língua mãe e fica aquela confusão e curiosidade. Aí é um tal de perguntar: como se fala isso no seu idioma? E comparar.

Um pequeno exemplo da nossa "Torre de Babel" (da esquerda para direita):Tania (Reino Unido), Christine (Brasil), Katrien (Bélgica), Valerie (França) e Anne Lise (Dinamarca).

Um pequeno exemplo da nossa “Torre de Babel” (da esquerda para direita):
Tania (Reino Unido), Christine (Brasil), Katrien (Bélgica), Valerie (França) e Anne Lise (Dinamarca).

O mais divertido para nós, brasileiros é ensinar os estrangeiros a falarem o “BR”, principalmente de “brigadeiro”, que eles amam e faz sucesso em qualquer festa que fazemos em casa. Outro dia uns amigos do Octávio pediram e eu fiz, mas quando chegou a hora de comer, falei que só dava para quem conseguisse falar direitinho! Sacanagem… eles se esforçaram, mas o mais próximo que saiu foi “bligadeilo”. Então pediram para resumir em “Chocolate Ball”. Ok, fiz uma concessão.

Mas o mais interessante de tudo isso é a troca. Já estarmos num país que, por si só, nos proporciona um leque imenso de experiências e descobertas, e ainda ganhamos um conhecimento do mundo por tabela. Aí vamos à Oktuber Fest, com os alemães, comemoramos o dia de Saint Patrick com os britânicos, o Thanksgiving com os americanos, o Halloween como vemos nos filmes, o Ano novo chinês com os chineses, claro, e outras tantas festas e comemorações regionais, que cada cultura tenta resgatar aqui com sua comunidade.

O dia dos namorados, dia das mães e dos pais é comemorado umas 4 vezes, cada um com datas completamente diferentes! A maneira como as festas comuns a todos são comemoradas, também é interessante. O Natal, por exemplo, tem várias peculiaridades em cada país.

Resumindo, temos amigos belgas, dinamarqueses, britânicos, franceses, alemães, suíços, espanhóis, americanos, indianos, mexicanos, tailandeses e por aí vai!

Essa é uma peculiaridade da China aberta para o mundo. Para os chineses somos todos estrangeiros. Entre as comunidades, cada uma busca resgatar e divulgar um pouco da sua cultura.

No condomínio onde moro não tem brasileiros, mas gente de muitas partes do mundo. Então formamos a nossa própria comunidade e um procura ajudar o outro, facilitar o dia a dia. E quando voltarmos, teremos conhecido muito mais do que a China. Acho que esse é mais uma das vantagens de viver aqui. Conhecer o mundo através das pessoas que cruzam nosso caminho.

E o melhor, teremos aprendido a conviver com as diferenças.

Até a próxima!

Anúncios

6 pensamentos sobre “TORRE DE BABEL

  1. Pingback: A difícil vida fácil de ser estrangeiro. | China na minha vida

  2. Cara, que demais seu blog!!!
    Se deixar, eu não durmo e nem vou trabalhar UHASUAHSHU
    Fico a ler, horas a fio…
    Ah, a propósito. Sou menino, 25 anos.
    Por conta do nome .o.
    Vai que… kkkkkkkkkkk ~

    Curtir

  3. oi!
    não sumi não! meio atrapalhado, mas nada fora do normal! É para poucos essa vivência, essa confraternização, a possibilidade de aprender a conviver com as diferenças! Logo te mando email! Beijo grande para vc e familia, neste tempo de Páscoa! Tempo de compartilhar, de viver a liberdade, de alçar vôo……..e conseguindo conviver com as diferenças é a grande conquista em direção ao UNIVERSO!

    Curtir

  4. Que maravilha de experiência a sua e de sua família. Podendo ver e conviver com outras culturas, algumas tão diferentes, proporciona crescimento em todos os sentidos.
    Essa torre de Babel é linda! Dê um beijo bem brasileiro em suas amigas, ao menos àquelas que estão na foto!
    Seu relato está excelente! Todos são muito bons e nós, que lemos, aproveitamos um tantinho dessa experiência fantástica.
    bjs da regin@

    Curtir

Gostou do texto, tem algo para dividir? Deixe seu comentário aqui! =]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s