China/Cultura Chinesa/Curiosidades/Livros/viver na China

Livro – Os Chineses

Nessa semana terminei de ler ‘Os Chineses’ de Cláudia Trevisan.

Um livro riquíssimo em conteúdo, com uma linguagem acessível e que descreve a China em todas as suas facetas, passando por todas as fases da história antiga e recente do país, explicando muitos mitos, esclarecendo fatos que até hoje, no ocidente, estão cobertos de mistérios – alguns equivocados, outros não.

Desde da população gigantesca, a derrubada do império, a ascensão do Partido Comunista, a Revolução Cultural, a decisão de mudar o rumo de uma nação, a abertura política… tudo isso está muito bem escrito e embasado. Mas também poderemos entender o papel da mulher, as superstições, a nova ordem chinesa ainda enraizada nas tradições milenares, a cosmologia e as filosofias/religiões que dominam o reino do meio.

Não diria que é um livro fácil de ler. Tão pouco um que lemos numa ‘sentada’. Ele é denso, pois o conteúdo é imenso. São muitas informações que precisam ser digeridas. Muitas vezes terminava um capítulo e parava para pensar um pouco, assimilar, mesmo já sabendo por outras fontes, da essência daquele assunto.

186117268860431327

Cláudia Trevisan é jornalista e viveu na China de 2004 a 2005, e voltou em 2008 como correspondente do ‘O Estadão’. Em 2009 lançou o livro ‘Os Chineses’, que faz parte da coleção ‘Povos e Civilização’ da Editora Contexto.

Desde que esse livro foi lançado (no mesmo ano que mudamos para Shanghai), muita coisa mudou, evoluiu. Mas o tempo não apaga as informações sobre a cultura e os fatos que envolvem a história da China.

Ricamente ilustrado, se torna um livro para ter sempre às mãos.

683589125876858083

Foto de uma página do livro.

No website da editora Contexto, encontramos essa sinopse, que está na contracapa do livro:

‘Os chineses nos intrigam. O regime é comunista, mas a economia é capitalista. Eles ficaram enclausurados durante os quase trinta anos de governo de Mao Tsé-tung e agora viajam pelo mundo todo e são os maiores usuários de internet do planeta. Quem são, afinal, esses 1,3 bilhão de chineses? Por que a relação do país com o Ocidente – e com os vizinhos – mudou tanto ao longo do tempo? Como esse país milenar, responsável por invenções importantíssimas para a humanidade como o papel e a bússola, pode ser acusado de copiar tecnologias estrangeiras? A jornalista Cláudia Trevisan, que vive e trabalha na China, nos conta isso e muito mais: desde os exóticos ingredientes da culinária chinesa aos segredos da medicina; da política de filho único até o papel da mulher na sociedade; da mudança de comportamento entre os jovens até os bastidores das Olimpíadas 2008. Tudo é superlativo na China. Este livro, ricamente ilustrado, nos ajuda a compreendê-la.’

E nesse link, está publicada na íntegra a introdução do livro. Que é muito interessante, pois já dá uma pincelada em todo conteúdo que nos espera.

Mais um livro imperdível para quem quer entender a China.

Zái Jiàn!

Colabore com a gente! Faça sua reserva (para qualquer lugar do mundo) clicando no logo do Booking.com acima ou na lateral da página. Xie xie! Obrigada!

Colabore com a gente! Faça sua reserva (para qualquer lugar do mundo) clicando no logo do Booking.com acima ou na lateral da página. Xie xie! Obrigada!

 

 

 

Anúncios

8 pensamentos sobre “Livro – Os Chineses

  1. Ganhei esse livro do meu marido. Embora faça alguns meses, ainda não terminei de ler. É como vc disse Chris – depois de termibar um capítulo a gente para para digerir a informação. Realmente um livro enriquecedor! Beijos.

    Curtir

    • oi Joyce,
      Que bom que está gostando e digerindo aos poucos. Não achei o livro fácil de ler, um pouco cansativo… também não consegui ler de uma vez, como sempre faço. Mas o conteúdo dele é riquíssimo!
      Abraço.

      Curtir

  2. Boa noite, Lendo esse livro, poderei entender como os chineses são tão mal educados? Incrível suas grosserias , vc tem explicação ? Obrigado. Manoel

    Enviado do meu iPhone

    >

    Curtir

    • Olá Manoel,
      Sim, você vai entender como eles são educados. Na realidade eles tem outro padrão cultural, que nos choca por serem muito diferentes dos nossos. Mas aqui na China, esse é o código.
      Concordo que quando saem do país, seja para turismo ou para viver, poderiam se inteirar um pouco das regras sociais do local onde estão. Mas muito dos hábitos deles são baseados na tradicional medicina chinesa, e fica difícil convencê-los do contrário. As novas gerações já estão mudando, mas não será da noite para o dia… e nem sei se vão mudar de fato.
      Abraço.

      Curtir

  3. Boa tarde, tudo bem?
    Você conhece a cidade Qingdao?
    Meu marido será transferido pra China por 7 meses e eu não falo inglês nem mandarim. Será que é possivel eu aprender inglês aí? Tenho o inglês básico e estou preocupada com minha adaptação por conta do idioma. Vamos provavelmente em Julho/Agosto e ficamos até fevereiro.

    Muito obrigada,

    Jessica.

    Curtir

    • Olá Jessica,
      Obrigada pelo contato.
      Ainda não fui a Qingdao, mas se fosse você tentaria aprender o mandarim básico, frases e palavras para facilitar seu dia a dia na cidade. O inglês lá não fará muita diferença. Mas você conseguirá se virar…rs. Eu passei por isso em 2004, em Chang Chun (cidade ao norte da China). E naquela época tudo era bem mais complicado.
      Sei que existe uma comunidade de expats lá, e deve der algumas famílias de brasileiros. Já me contataram antes.
      Abraço e venha de mente e coração abertos. A experiência será única!

      Curtir

Gostou do texto, tem algo para dividir? Deixe seu comentário aqui! =]

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s