China/Cultura Chinesa/Curiosidades/viver na China

Oito Tesouros – mais um segredo da China

Nesse semestre, estou fazendo mais um curso de medicina tradicional chinesa, desta vez voltado para alimentos e ervas na ótica da TCM. Com isso, vamos descobrindo novas possibilidades e maneiras de tirar mais proveito dos alimentos para nossa saúde.

E uma dessas descobertas foi esse chá, com o sugestivo nome de “8 tesouros”. Sabemos que 8 é um numero muito especial na cultura chinesa e assim eles encontraram elementos nessa quantidade para garantir beleza e longevidade.

Oito Tesouros

É um famoso chá de ervas chinês originário da província de Yunnan e, segundo a história, usado pelos imperadores e realeza como receita secreta de beleza, longevidade e juventude.

De todos os tônicos à base de plantas da China, nenhum é tão conhecido quanto o “oito tesouros” (八宝茶  Bā bǎo chá), cuja base foi criada durante a dinastia Tang. No entanto, houveram algumas modificações com o passar dos séculos e das dinastias, de acordo com a disponibilidade de ingredientes, até chegar ao que encontramos e consumimos hoje.

O chá Oito Tesouros é popular em parte por causa de seus muitos benefícios à saúde, além dos citados acima. Ele também ajuda a melhorar a circulação sanguínea, eleva os níveis de energia, melhora o sistema imunológico, ajuda a função hepática e a respiração, ajuda a remover olheiras, hidrata a pele seca, combate a fadiga e pode ajudar as mulheres a manter um ciclo menstrual regular.

Receita básica

Ingredientes

Chá verde: é a base, 1 colher de sopa da erva

Flores de crisântemo secas: 1 colher de sopa

Goji: 4-6 bagas

Tâmaras vermelhas secas: 2 frutas fatiadas

Longan ou Olho de Dragão Seco (uma fruta da família da lichia): 2 peças

Botões de mini rosas secas: 1/2 colher de sopa

Ginseng: 1-2 raízes

Frutas secas (1 a 4 pedaços de maçãs, laranjas ou passas) ou açúcar em pedra (a função deles é adoçar).

Preparação

Este chá é ideal para fazer em um recipiente grande em vez de apenas uma xícara por causa da quantidade de ingredientes. Coloque todos eles, exceto o chá verde, em uma panela e despeje água fervente suficiente para cobrir completamente, deixando algum espaço para colocar o chá verde. Deixar fermentar por 5 a 10 minutos (quanto mais tempo, mais forte e doce ele ficará).

Em um recipiente separado, faça o chá verde um pouco mais forte que o normal. Após a preparação, despeje o chá (coar as folhas) com os outros ingredientes e está pronto para beber e servir.

Essa receita é a que minha professora nos passou e tomamos nas aulas, mas existem muitas variações. Uma das que encontrei também adicionava sementes de gergelim, raízes de lótus, amendoins ou nozes.

Eu não gosto muito do sabor das rosas, então pedia para colocar menor quantidade, mas no final ele tem um sabor marcante e uma fragrância deliciosa, doce, leve e frutada.

Outras formas de consumir os oito tesouros são em mingaus e com arroz glutinoso (de ambos eu vi receitas na internet), mas ainda prefiro o chá.

Sobre alguns dos ingredientes

Tâmaras vermelhas são rotuladas pelos chineses e coreanos como “o rei das nozes” por seu valor nutritivo contêm vitamina A, B1, B2, proteínas, cálcio, fósforo, ferro e magnésio. Ajudam a estimular a produção de glóbulos brancos, o que melhora a imunidade e protege o fígado.

Gingseng fornece um aumento de energia, diminui os níveis de açúcar e colesterol no sangue, reduz o estresse, promove o relaxamento e contribui no tratamento da diabetes.

Goji têm sido usadas na medicina tradicional chinesa para controlar o diabetes e a pressão alta. De acordo com muitos estudos científicos o goji  estimula o sistema imunológico e a atividade cerebral e também contêm vitamina C, vitamina B2, vitamina A, ferro, selênio e outras propriedades antioxidantes para beneficiar nossa saúde.

Botões de rosa contêm uma alta concentração de vitamina C que supera de longe os níveis de frutas frescas, como laranja, tomate. Isso o torna um ótimo chá de ervas para manter uma pele saudável e radiante.

Chá verde tem alto teor de antioxidantes e vitaminas e é usado tradicionalmente na medicina chinesa e indiana para controlar o sangramento, auxiliar a digestão, melhorar a saúde cardíaca e mental. Estudos recentes mostraram que o chá verde pode ter efeitos positivos em tudo, desde perda de peso, distúrbios hepáticos e diabetes tipo 2.

Crisântemos são usados ​​para fins medicinais como uma erva de resfriamento. Acredita-se que seja eficaz no tratamento de distúrbios circulatórios, prevenção de dor de garganta e ajuda na recuperação da gripe e acne.

Longan ou olho de dragão (uma fruta da família da lichia) é repleta de vitamina A, B e C, é um alimento funcional que suporta manutenção do peso, melhora o sistema imunológico, ajuda na prevenção do câncer e tem propriedades antibacterial.

Sobre mudança de hábitos

É maravilhosa essa experiência e aprendizado através da medicina chinesa e dos alimentos. Ainda não consigo (e nem sei se conseguirei um dia) usar todo o conhecimento que estou adquirindo no meu dia a dia, mas confesso que tenho me esforçado para isso.

O chinês tem algumas regras alimentares que não conseguimos adaptar no nosso estilo de vida e alimentação ocidental. Há coisas que eles só comem no inverno, outras somente no verão. Há alimentos baseados na sua constituição corporal, na teoria do Yin e Yang, nos 5 elementos, nos meridianos… e por aí vai.

Acredito que temos que ter equilíbrio e tentar trazer para nossa vida, nossa rotina, as coisas que conseguimos agregar sem sofrimento, no momento certo, dentro da consciência individual. É um processo continuo e gradual.

Hoje em dia diminui muito o açúcar e a farinha da minha alimentação, mas me permito comer um bolo ou um pão quentinho quando bate vontade. E está tudo bem.

A diferença é que não consigo comer mais do que um brigadeiro, por exemplo, nem o chocolate ao leite me dá prazer. Para beber, prefiro um chá de frutas ou ervas, preferencialmente quente, na temperatura do meu corpo. E isso foi uma mudança de dentro para fora, não é sacrifício, não é dieta, é opção.

E assim acredito que as coisas na nossa vida devem funcionar: mudanças de hábito por prazer e consciência e sem imposição de ninguém e de nada. Nem tudo que funciona para mim, vai funcionar para você. E, mais uma vez, está tudo bem.

Com essas pequenas grandes mudanças que tenho feito nos últimos 2 ou 3 anos, emagreci sem dieta, me sinto mais segura com a minha idade, fiz um upgrade na autoestima (que estava meio balançada depois da menopausa) e a certeza que não preciso estar dentro de padrões estipulados por não sei quem. Consegui separar vaidade de imposição social, conceitos que estão se confundindo nos dias atuais.

A vida é hoje, e precisamos estar bem conosco para desfrutar dessa maravilha que nos foi dada, desse dom de ser e construir a nossa historia baseadas no que nos faz feliz, no que nos desafia a ser melhor, conscientes dos nossos limites.

E boa parte dessa conquista pessoal, devo a medicina chinesa, a essa China na minha vida!

Zái Jiàn!

4 pensamentos sobre “Oito Tesouros – mais um segredo da China

  1. Olá tudo bem? fiquei com vontade de experimentar depois de ler sua postagem. Vou procurar esses ingredientes aqui perto de casa. Mudança de hábito alimentar é bem difícil mesmo. por conta da saúde eu preciso, mas confesso que não é fácil. obrigada por dividir sua experiência.

    Curtir

    • Olá Micaela,
      Vai encontrar sim.
      E pela minha experiência, vá devagar, uma alteração por vez, aos poucos vc vai conseguir. Mesmo assim, não sou radical, como tudo quando tenho vontade. O engraçado é que depois que acostumamos nosso corpo sem o açucar, por exemplo, quando como um brigadeiro, parece que comi o bolo inteiro…rs. Meu paladar não gosta mais de doce melado.
      Abraço.

      Curtir

  2. Bom dia! Que maravilha isso. Mas, aqui no Brasil não tem todas as ervas, tem? Vc pode enviar? Grata pelas sua dicas. Estou com 57 anos e me sentindo um pouco sem energia…

    Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s