China/Curiosidades/Viagens/viver na China

Descobrindo o Sul de Yunnan – China

Quem acompanha minhas redes sociais @chinanaminhavida, sabe que fiz uma viagem de 7 dias (intensos, diga-se de passagem) com minha sobrinha na segunda semana de janeiro. Foi a primeira vez que ela veio a China e queria mostrar a ela a China que está disponível nas agencias de turismo, mas também a China que acaba estando mais acessível para quem vive aqui.

Claro que Yunnan está ao alcance de qualquer um que queira conhecer, mas sabemos que as chances de um turista, de primeira viagem ao País do Meio, escolher um roteiro alternativo, completamente fora da mídia, é bem pequena.

Com isso em mente, fizemos nosso roteiro que começou em Shanghai (claro), depois Yunnan e terminamos em Beijing, pois vir a China e não conhecer a Muralha não deixa a viagem completa.

Mas vamos falar de Yunnan

Em 2017 fiz minha primeira viagem a essa província que, posso garantir a vocês, é deslumbrante. Naquela ocasião conheci o Noroeste dela e podem conferir em alguns dos artigos que escrevi, porque foram muitos!

Descobrindo Yunnan – a província mais colorida da China

Dali – o início da viagem à Yunnan

Turismo em Shangri La – Yunnan

Lijiang – último destino na viagem a Yunnan

Sul de Yunnan

Dessa vez optei pelo Sul, até porque daríamos uma trégua no frio intenso, já que as temperaturas no nosso ultimo destino estavam em torno dos confortáveis 21 graus. E frio, íamos passar em Beijing, com temperaturas abaixo de zero!

Nosso roteiro foi Shanghai – Kunming (capital da província) de avião, fomos direto de carro até Xishuangbanna, passando por Jianshui, Yuanyang e Pu’er, percorrendo mais de 16 horas de carro por 5 dias, mas dormimos um dia em cada cidade, acompanhadas mais uma vez pelo Kewen (mesmo guia da primeira viagem) e seu Santana Quantum!

De Xishuangbanna, voamos para Beijing e de lá voltamos de trem para Shanghai.

Segue nosso roteiro de geral e o de carro.

Todo o trajeto incluindo avião, carro e trem.

Nessa proposta do Google Maps, levaríamos 12 horas de carro, mas a estrada principal estava fechada e tivemos que seguir pelas vicinais, com chuva e alguns trechos bem ruins. Isso aumentou muito nosso tempo dentro do carro.

Uma viagem completamente fora do padrão

A viagem foi muito divertida, inusitada e descobrimos coisas na China que eu nem imaginava, como por exemplo, que a cidade de Xishuangbanna é berço da minoria étnica Dai, que por sua vez também são etnias presentes na Tailândia, Myanmar e Vietnã. Inclusive essa região fica muito próxima da fronteira com esses países.

Nas próximas postagens vou contando um pouco de cada lugar, de cada aventura e descoberta.

Por hora, curtam um pouco das fotos que fizemos nessa parte da viagem e fiquem de olho nos próximos artigos.

Zái Jiàn!

7 pensamentos sobre “Descobrindo o Sul de Yunnan – China

    • Olá,
      O contato do Kewen é wukewen@hotmail.com (em inglês).
      Ele me fez um pacote envolvendo todos os custos: guia, carro com todas as despesas inclusas, alimentação (sem bebidas alcoolicas) e hoteis. Eu pedi algumas opcões de hospedagem, e escolhi dentro do que gosto em um hotel. Todos me surpreenderam positivamente.
      Os valores vão ser baseados em dias, numeros de pessoas e o tipo de hotel que vc escolher. É tudo bem personalizado.
      Já te aviso que não é muito barato, mas valeu cada centavo!
      QUalquer duvida me contata no direct do Instagram ou email.
      Abraço.

      Curtir

  1. Pingback: Jianshui – nossa primeira parada ao Sul de Yunnan | China na minha vida

  2. Nossa, passei horas olhando seu blog e estou encantada.
    Meu noivo será transferido para a China em 1 mês, e depois de uns 6 meses pretendo ir morar com ele.
    Acho que a minha ideia de “não virar dona de casa” terá que ser mudada.
    Estudarei inglês antes de ir, acha que é necessário mandarim também? (a empresa fica em Guangzhou).
    Obrigada e parabéns pelo blog!!

    Curtir

    • Olá Alessandra,
      Obrigada pela visita. Vivo em Shanghai. Ainda não conheço Guangzhou, mas pelo que sei é uma cidade grande, com boa estrutura para estrangeiros e há brasileiros por lá também!
      Aprender um pouco de mandarim será bom, mas talvez seja mais proveitoso vc aprender aqui, numa universidade. Aprender e usar imediatamente faz toda a diferença.
      Abraço e segue o @chinanaminhavida no Instagram, sempre faço postagem nos stories e o feed eé atualizado diariamente.

      Curtir

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s